Sonho de Ser Mãe
  

11 Semanas e 2 Dias -> Enfim 3 Meses!

Os enjoos ainda não foram embora, mas tenho fé em Deus que até o 4º mês tudo vai melhorar...

O sono continua... Isso eu acho que vai até o fim da gravidez, apesar de algumas pessoa me dizerem que no segundo trimestre isso melhora, e eu terei mais disposição!

Fui a minha 2ª consulta com o amigo Obstetra... Graças a Deus está tudo bem, apesar de eu estar com um pouquinho de anemia. Ele passou uma vitamina a base de ferro para isso que me fez ficar arrotando o dia todo rsrs'

O pé da minha barriga já está durinho :D

PS: Preciso urgentemente fazer umas compras! ;)

Beijinhos



Escrito por Cássia Cristina às 18h47
[] [envie esta mensagem] []


 
  

Para as Mãezinhas com Dúvidas...

Parto Normal x Cesasriana

 

Uma pesquisa divulgada pelo Ministério da Saúde em maio do ano passado revelou que 43% dos partos realizados no Brasil são cesarianas, sendo que desse número, 80% são mulheres de classe média alta e possuem planos de saúde. Já quando se trata de gestantes que utilizam o SUS (Sistema Único de Saúde), o número cai para 26%.

O Ministério lançou a "Campanha de Incentivo ao Parto Normal" com o objetivo de tentar diminuir essa diferença, pois segundo o próprio órgão, a maioria das cesarianas é desnecessária e este número deveria ser de no máximo 15%.

A maioria dos médicos também recomenda o parto normal, pois é mais seguro tanto para a mãe quanto para o bebê.

"Embora atualmente a cesariana seja uma intervenção realizada com muita segurança, é uma cirurgia e, por isso, tem maior índice de complicações (infecções, hemorragias, hematomas, lesão de órgãos, dores, aderências, indicação para outras cesarianas) e de mortalidade que um parto normal, tanto para a mãe quanto para o bebê", afirma Cláudio Basbaum, ginecologista e obstetra introdutor do Parto Leboyer (Nascimento sem Violência) no Brasil.

No procedimento natural há um total envolvimento e participação da mulher ou do casal no processo da acolhida de seu bebê, com repercussões imediatas altamente positivas no vínculo afetivo entre eles. "No parto normal, tanto a mulher quanto o bebê têm mais vantagens, a princípio pela amamentação. Na cesárea, o pós-operatório dificulta esse processo devido à pouca locomoção que a mulher pode realizar. Futuramente, isso pode resultar em problemas emocionais e psicológicos da criança. O recomendado é que o bebê seja amamentado até meia hora após o parto", afirma o pediatra Cláudio Ribeiro Aguiar, presidente do Departamento de Neonatologia da Sociedade de Pediatria de São Paulo.

Já a cesariana, apesar de evitada, é fundamental em alguns casos. "Quando existem riscos para a mãe ou para o bebê, o parto de cesárea é fundamental. Certas doenças que eventualmente ocorrem na gestação, como incompatibilidade sangüínea, diabetes ou pressão alta, podem exigir uma cesariana para antecipar o parto. Em outros casos, como por exemplo, descolamento da placenta (quando a placenta se descola da parede uterina, impedindo que o bebê receba alimento e oxigênio, além de trazer elevado risco de hemorragia e morte da mãe) o parto cirúrgico se impõe em caráter de urgência", diz Basbaum.

De imediato, a cesárea deverá ser indicada quando há sinais de "sofrimento fetal" durante o trabalho de parto ou gravidez de risco, variação grave dos batimentos cardíacos fetais ou eliminação de mecônio (primeiras fezes do feto) no líquido amniótico da bolsa de água.

Se o problema é a dor sentida no parto normal, há tempos sabe-se que com o recurso da anestesia a mulher pode dar à luz com muito conforto. Este procedimento pode ser usado assim que se intensifiquem as queixas de dor ou desconforto excessivo.

Tirado do Site: http://cyberdiet.terra.com.br/parto-normal-x-cesariana-5-1-4-328.html



Escrito por Cássia Cristina às 17h45
[] [envie esta mensagem] []


 
  [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]  
 
 



Meu perfil
BRASIL, Sudeste, SAO PAULO, Guaianases, Mulher, de 20 a 25 anos, Portuguese, English, Cinema e vídeo, Música, Livros
Outro -


HISTÓRICO



OUTROS SITES
 Cantar Alegremente
 Entre Mamães


VOTAÇÃO
 Dê uma nota para meu blog!